sexta-feira, 21 de março de 2014

A educação cigana pensada por ciganos

Portaria nº 10 do Mec  fevereiro de 2014. Institui Grupo de trabalho para acompanhar a implementação da resolução CNE/ CEB nº 03/2012 que institui as diretrizes para o atendimento de Educação escolar para populações em situação de itinerância, no que se refere as populações ciganas.
O grupo de trabalho tem como objetivo elaborar a implementação da resolução CNE/CEB nº03, de 16 de maio de 2002.Sendo um dos membros é Cláudio Iovanovitch, líder comunitário de etnia Matchuwaia, como representante da Associação de Preservação da Cultura Cigana do paraná ( APRECI/PR). Assim também membros de Associações de etnia Rom e Kalon  e representantes da  Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade racial SEPPIR, Secretaria Nacional de Direitos Humanos SNDH, Ministério da Cultura MINC. O grupo de Trabalho exercem função não remunerada de relevante interesse social.
Pode dizer que é um grande avanço na educação escolar Cigana que somam no Brasil 90% de analfabetos numa população de mais ou menos 600 mil ciganos itinerantes ou não.  Parabéns Cláudio Iovanovitch por mais uma conquista. Profe Gilce Primak pesquisadora da Cultura dos Assim Chamados Ciganos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A todos os blogueiros que respeitam a diversidade étnica e cultural...E querem
falar sobre preconceito,discriminação e racismo sofridos pelo Povo Romani, Os assim chamados ciganos.Bem vindos ao blog Cultura Cigana